ESPETÁCULOS

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação 

O Grupo de Danças Boi da Grande Loa apresenta nesta quarta-feira (6), a partir das 19h, na Pracinha de Boa Viagem, oespetáculo de dança com coreografias, músicas e figuras inspiradas na brincadeira do Cavalo Marinho. Rodas, cordões, desafios, pisadas, trupés e encenação dos personagens Capitão Marinho, Ambrósio, Véia do Bambu, Mateus, Galante, Pastorinha são acompanhados por um conjunto musical de rabeca, zabumba, pandeiro e ganzá. A apresentação integra o Projeto Recife + Cultura da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer da Prefeitura do Recife em parceria com o Grupo Parvi e incentivo da Lei Rouanet. A produção é assinada pelo Bureau de Cultura e a indicação é livre.

O Recife + Cultura existe há dois anos e as atividades acontecem semanalmente às quartas-feiras na Pracinha. Ao todo, serão 10 dias de apresentações, sempre às quartas, até o dia 18 de dezembro. Cada dia haverá uma atração artística diferente.

Todas as apresentações culturais contam com acessibilidade comunicacional para facilitar e permitir que pessoas com deficiência participem das sessões. Também há assentos prioritários, banheiros acessíveis, interprete de libras e um audiodescritor que faz a apresentação dos grupos com detalhes técnicos onde as pessoas com deficiência visual poderão acessar instrumentos, figurino, entre outros. 

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

Começa hoje (1º) a 15ª edição do Festival de Circo do Brasil, que celebrará o poder da resistência, do riso e da arte contra todas as adversidades e reveses históricos. Com realização da Luni Produções, o Festival levará para os palcos da cidade 16 atrações, em dez dias de evento, sendo cinco estrangeiras e onze nacionais.

Com oficinas e filmes também inclusos na programação, o Festival terá como tema os “Super Humanos”, profissionais que fazem da superação o seu ofício há muitas gerações. Até o próximo dia 10 de novembro, artistas e grupos da Espanha, da França, do Uruguai, da Argentina, de São Paulo e Santa Catarina, Ceará e daqui mesmo de Pernambuco combaterão toda apatia e toda descrença com riso, mágica, palhaçada e contorção.

Entre os destaques da programação, estão o premiado grupo espanhol Zero En Conduta, que apresentará o espetáculo Eh Man Hé, primando pela técnica de títeres, dança e acrobacia; e o mix de acrobacia e dança do espetáculo francês La Mecánique dês Ombres, que chega pela primeira vez ao Brasil.

O Festival também irá exibir três filmes com temática circense: o documentário Monga, de Cris Siqueira; Dumbo e O Grande Circo Místico, de Cacá Diegues.

Também serão oferecidas duas oficinas. Uma delas terá à frente o argentino Tato Villanueva e será dedicada a palhaços e atores em geral. A outra oficina será com a Cia Suno, formada pelo clown e acrobata Duba Becker e pela bailarina Helena Figueira.

As oficinas são gratuitas, porém com número limitado de vagas e apenas para pessoas maiores de 16 anos. Inscrições pelo email festivaldecircodobrasil@gmail.com.

Informações e programação: www.festivaldecircodobrasil.com.br.

Saiba a programação em www.revistaclub.com.br

ESPETÁCULOS
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

Nos próximos dias, a erudição está garantida para todas as idades na programação cultural oferecida gratuitamente pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Cultura e da Fundação de Cultura Cidade do Recife. Terça (17) e na 

Na terça-feira, a partir das 9h, o projeto Concertos para Juventude integra a programação do Santa Isabel em Cena, oferecendo uma completa experiência imersiva pelo Teatro Santa Isabel, com visita guiada pelas dependências do teatro, seguida de apresentação dos músicos da Orquestra, sob o comando do maestro Marlos Nobre, com direito a muita conversa sobre compositores e composições clássicas.

A programação é dedicada a jovens, estudantes e públicos de todas as idades, em busca de intimidade com o Santa Isabel e com a música erudita. O acesso é gratuito e pode ser agendado pelo e-mail teatrodesantaisabel.educativo@gmail.com.

Na quarta-feira, a partir das 20h, a Orquestra Sinfônica do Recife sobe de novo ao palco do Santa Isabel para apresentar o sétimo concerto oficial da temporada 2019, com repertório dedicado a dois dos maiores compositores eruditos da história da humanidade. Os ingressos serão distribuídos a partir das 19h, na bilheteria do Teatro de Santa Isabel.Informações: 3355-3322.

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

O Teatro Apolo receberá, neste sábado, às 17h, uma exibição gratuita do espetáculo “Abrazo”, do Grupo Clowns de Shakespeare, de Natal. Os ingressos serão distribuídos a partir das 14h, na bilheteria do teatro, localizado na Rua do Apolo, n° 121, no Recife Antigo.

“Abrazo” é um espetáculo sem falas, que transporta para o universo infantil temas urgentes como ditadura, guerra e toda forma de cerceamento de liberdades. Inspirado na obra “O Livro dos Abraços”, de Eduardo Galeano, com roteiro dramatúrgico de César Ferrario, o espetáculo conta a história de um menino, que vive num país onde, entre muitas outras proibições arbitrárias, a fala e qualquer demonstração de afeto estão vetadas a toda gente do lugar.

No elenco, os atores Camille Carvalho, Dudu Galvão e Paula Queiroz se revezam entre os vários personagens da fábula: um rapaz, uma florista, um soldado, um índio, uma avó, um general e um menino, o único capaz de encontrar brechas de humanidade entre tantos imperativos vigentes.

ESPETÁCULOS
IRB_Foto Paloma Amorim

Foto: divulgação

Completando 17 anos neste setembro e já tendo recebido mais de dois milhões e meio de visitantes, o Instituto Ricardo Brennand vai celebrar a nova idade com concertos do grupo Metaphora que apresentará as obras La Bomba por Mateo Flecha (1481-1553) e Barca de Veneza para Pádua por Adriano Banchieri (1568-1634), nos dias 12 e 15, às 16h e às 15h, respectivamente.

A audição será gratuita, mas com vagas limitadas. A inscrição pode ser feita pelo link https://forms.gle/8aHCr9qSLnpyTks67 .  Eleito o melhor museu do país, o IRB conta com um vasto e belíssimo acervo distribuído no Museu Castelo São João, na Pinacoteca e na Biblioteca, além dos jardins das Esculturas e uma galeria para exposições temporárias e eventos.

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

A soprano de carreira internacional Carmen Monarcha é a convidada desta quarta-feira (14) no concerto em comemoração ao aniversário de 89 anos do Conservatório Pernambucano de Música. Ela fará um concerto em homenagem aos 60 anos do falecimento de Villa Lobos e apresentará também árias de ópera, acompanhada pela Orquestra de Câmara de Pernambuco, sob a regência do maestro José Renato Accioly.

O espetáculo será no Teatro de Santa Isabel, às 20h. A entrada é gratuita e os ingressos serão distribuídos na bilheteria do local uma hora antes do início da apresentação.

O concerto é divido em duas partes: a primeira dedicada à música de Villa-Lobos, com “Bachianas Brasileiras nº5”, “O trenzinho do caipira”, “Bachianas nº2”, e três canções da obra “Floresta do Amazonas”. Já a segunda parte contará com a interpretação de famosas árias de ópera, carro-chefe da carreira da solista, a exemplo das óperas “Carmen” e “O barbeiro de Sevilha”.

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

O maior espetáculo ao ar livre do Sertão Nordestino, O Massacre de Angico – A Morte de Lampião chega à sua oitava edição com novos cenários, trilhas sonoras renovadas e grandes alterações no elenco. A expectativa é reunir mais de cinquenta mil pessoas para assistir ao trabalho dirigido por Izaltino Caetano, entre os dias 24 e 28 de julho, em Serra Talhada, no Sertão do Pajeú. O acesso será gratuito.

A peça foi concebida a partir do texto dramatúrgico escrito pelo pesquisador do Cangaço, Anildomá Willans de Souza, natural de Serra Talhada, mesma cidade onde Virgolino Ferreira da Silva, o Lampião, nasceu. 

Os protagonistas do espetáculo são a atriz e cantora Roberta Aureliano, como Maria Bonita e o ator e dançarino Karl Marx, como Lampião. 

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

Os apreciadores da música instrumental poderão curtir a programação do fim de semana do Conservatório Pernambucano de Música. Neste sábado (15) e domingo (16), acontece a 9ª edição do Festival de Música Instrumental, no Auditório Cussy de Almeida, na sede da escola de música. O compositor Henrique Albino e o arranjador André Mehmari são as atrações do sábado. O pianista Hércules Gomes e o grupo Treminhão farão concerto no domingo. O evento é aberto ao público.

A partir das 17h do sábado, Henrique Albino apresenta composições autorais com influência da música universal e das novas tendências rítmicas do jazz contemporâneo. Com Henrique Albino na flauta e no sax, Alex Santana na tuba e Gilú Amaral na percussão. Logo depois, é a vez do compositor, pianista arranjador e produtor carioca André Mehmari fazer o seu concerto instrumental.  O músico apresenta, ao lado de Neymar Dias (baixo elétrico e viola caipira) e Sérgio Reze (bateria).

Encerrando a programação do festival, o grupo instrumental Treminhão trabalha as influências de outras culturas como a música eletrônica, blues e jazz de forma singular, junto com os ritmos regionais de Pernambuco. A banda, formada por Breno Lira, Ricardo Fraga e Jefferson Cupertino ao palco alimentando todas as possíveis formas de musicalidade.

ESPETÁCULOS

Foto: divulgação

Marchinhas, baiões, xotes e músicas de quadrilhas interpretados pelo SaGrama irão animar o Música no Palácio deste mês. O concerto será neste domingo (9), às 10h, no Palácio do Campo das Princesas. Além das músicas do ciclo junino, também farão parte do repertório músicas dos seus nove álbuns, incluindo a trilha sonora do filme O auto da compadecida, assinado pelo grupo. O evento é aberto ao público. 

O Música no Palácio foi criado em 2015, em comemoração aos 85 anos do Conservatório Pernambucano de Música. A ideia era realizar pequenas apresentações musicais, um domingo por mês, no hall de entrada do Palácio do Campo das Princesas. Com quatro anos do início do projeto, ele já se tornou parte do calendário de eventos da cidade.

ESPETÁCULOS

Foto: Hannah Carvalho

O bailarino Orun Santana apresenta a temporada de “Meia Noite”, no Teatro Arraial Ariano Suassuna, desta sexta-feira (31 de maio) a 06 de julho, sempre as sextas e aos sábados, às 20h. O espetáculo solo passeia pela capoeira como elemento criador e motivador do movimento, sobretudo dos corpos do Mestre Meia-noite, nome artístico de Gilson Santana, e Orun. Ambos brincantes e artistas do Daruê Malungo, pai e filho, construíram suas carreiras e sua relação dentro deste universo.

 A obra explora ainda a capoeira como procedimento de uso de imagens/memória do corpo do dançador como elemento criador, traço marcante na obra de Orun, como artista e pesquisador no assunto. O espetáculo solo dialoga dramaturgicamente sobre a relação entre pai e filho, entre mestre, discípulo e consequente relação com a ancestralidade pessoal, principalmente masculina, na busca de uma conexão com essas energias e possíveis curas e construção de uma nova masculinidade.

Os ingressos custam R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia) e já estão com vendas antecipadas no sympla.com.br/orunsantana e também estarão disponíveis na bilheteria uma hora antes do início do espetáculo.

POR MARISTELA BELTRÃO

A Revista Club foi a primeira revista social de Recife, lançada em 1999. Em 2008, seguindo a tendência global, a Revista Club impressa foi transformada em virtual, que volta a circular depois de uma breve parada, sempre com Maristela Beltrão no comando.

LER MAIS

RECEBA NOVIDADES

Cadastre-se e fique por dentro de tudo que rola na sociedade pernambucana.

Facebook

INSTAGRAM